sábado, 1 de setembro de 2012

Educação para um conjunto.

Um dos motivos por eu ter escolhido o tema "LIXO" como forma de conscientização foi a possibilidade de introdução de óticas distintas de uma problemática ambiental.
Por considerar a educação ambiental uma educação para um conjunto único e indivisível, para a compreensão dos mecanismos que proporcionam a vida em nosso planeta, tenho a convicção de que as ações organizadas dentro de uma estrutura de conscientização são, por si sós, continuadas, expansivas e promotoras de mobilização. As diversidades de fatores encontradas e passivas de serem exploradas neste contexto extrapolam a unicidade do meio ambiente natural, quando as temáticas surgem nos problemas de degradação do meio físico causado pela disposição do LIXO e adentram em temáticas diversas. É ilimitada a possibilidade de caminhos à serem explorados, assim como é ilimitada a possibilidade de inclusão de atores no processo de estruturação da proposta de conscientização.
Por estar no seu engatinhar, a Educação Ambiental vem se desenvolvendo em parcelas de movimentos, muitos ainda desconexos, mas apontam para uma conjunção positiva de fatores à serem acrescidos.
 
Lixo 
Degradação 
Solos e horta 
Família. 
Urbanização 
Reciclagem 
Culturas e Crenças. Psicologias. 
Educação  
Degradação social